Skip to main content

As Mártires da Igreja Primitiva
Enrollment is Closed

Este curso é constituído por 4 aulas e enquadra-se na série “O Sagrado Feminino no Cristianismo”.
Enrollment is Closed

A participação no curso dá-se após o cumprimento de duas etapas:

  • 1) Pague a taxa de 30 Euros no link.
  • 2) Faça a sua matrícula clicando no botão vermelho ao lado.

A Inscrição cede-lhe o direito a assistir às aulas ao vivo ou gravadas e ao certificado pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (ULHT), mediante aprovação nas avaliações.

Atenção: Use o mesmo e-mail nas duas etapas da inscrição (pagamento e matrícula).

 

Sobre o Curso

O martírio desempenhou um papel fundamental na formação da igreja cristã primitiva. A morte dos mártires foi vista como uma prova da verdadeira fé em Cristo e como um exemplo a ser seguido pelos fiéis, unindo a comunidade cristã em torno de uma causa comum e fortalecendo sua determinação em face da perseguição.

Neste curso estudaremos o contexto histórico e sócio antropológico das perseguições e o desenvolvimento da literatura apocalíptica e deuterocanónica/apócrifa que dá base à teologia do martírio. Será dado destaque às mulheres martirizadas do século I ao século IV, enfatizando as suas histórias, muitas vezes esquecidas e seus contextos simbólicos.

Reais ou romanceadas, as histórias das muitas mulheres martirizadas na igreja primitiva são a memória viva de sua presença e atuação neste período tão importante do cristianismo e por dois séculos vêm inspirando cristãos em todo o mundo.

 

A quem se destina?

Todos são bem-vindos no curso: curiosos, estudiosos em geral e interessados na história do cristianismo, estudantes e professores/as de ciência das religiões e teologia, líderes religiosos em geral, pastores/as e leigos/as, homens e mulheres, envolvidos com o campo religioso/eclesial, agentes de pastoral, educadores/as e líderes comunitários.

 

Há pré-requisitos?

Não há pré-requisitos para realizar o curso, apenas a vontade de aprender e abertura para o diálogo com os demais participantes.

 

Quando começa?

O curso inicia no dia 21 de outubro de 2023. Tem a duração de 4 sábados, encerrando no dia 11 de novembro.

 

Como ocorrem as aulas?

As aulas acontecerão ao vivo, aos sábados, às 15h (Brasil) / 18 h (Portugal) através da plataforma Zoom.

Cada aula terá a duração de 1 hora de exposição, seguida de 30 minutos para perguntas e debates.

As aulas serão gravadas e disponibilizadas na página do curso para acesso dos alunos.

 

Como é feita a avaliação?

A avaliação está organizada em duas etapas:

  • Realização dos exercícios a cada aula (4)
  • Realização de um breve relatório de aprendizagem ao final do módulo, de 1 a 3 páginas

A nota final do curso terá a seguinte ponderação:

  • Exercícios – 40%
  • Relatório Final – 60%

O curso termina no dia 11 de novembro de 2023.

O relatório final deve ser entregue em pdf ou doc até o dia 25 de novembro de 2023.

 

Programa

Aula 1: Igreja Perseguida: Contexto histórico, sócio antropológico e teológico.

Resumo: Estudo do contexto histórico e sócio antropológico em que as perseguições religiosas dos séculos I-IV aconteceram, bem como da literatura apocalíptica e deuterocanónica/apócrifa que dá base para a teologia do martírio.

Aula 2: O Sangue que Fertilizou a Terra: As Mártires dos Séculos I e II.

Resumo: Estudo das histórias e simbologias das mártires dos séculos I e II.

Aula 3: O Sangue que Semeou a Terra: As Mártires do Século III.

Resumo: Estudo das histórias e simbologias das mártires do século III.

Aula 4: As Últimas Gotas de Sangue: As Mártires do Século IV.

Resumo: Estudo das histórias e simbologias das últimas mártires do século IV antes do édito de Milão.

 

Docente

Lidice Meyer Pinto Ribeiro

Lidice Meyer Pinto Ribeiro é Pós-Doutora em Antropologia e História pela Universidade de São Paulo, Brasil e Pós-Doutoranda em Estudos de Globalização pela Universidade Aberta de Portugal. Doutorou-se em Antropologia pela Universidade de São Paulo e é Mestre em Etnobotânica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro/Museu Nacional, Brasil. É professora no Mestrado em Ciência das Religiões da Universidade Lusófona de Portugal e no Moriah College , Investigadora no Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias (CLEPUL) da Universidade de Lisboa e Investigadora da Cátedra de Estudos Globais da Universidade Aberta de Lisboa (CIPSH). É também membro do Instituto de Cristianismo Contemporâneo (ICC), da Sociedade Portuguesa de História do Protestantismo (SPHP), Avaliadora do Deutscher Akademischer Austauschdienst (DAAD) e de diversas revistas acadêmicas internacionais.

Atuou por mais de 20 anos junto da Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, Brasil, na coordenação da Pós-Graduação em Teologia, Filosofia e Pedagogia, e como professora do Programa de Mestrado em Ciências da Religião, na graduação em Teologia e outros cursos. Comentarista e consultora sobre assuntos de religião e antropologia em mídias sociais, TV, rádio, jornais e revistas. No Brasil, participou como entrevistada ou consultora em diversos especiais das Redes de Televisão Bandeirantes, Record, Globo, SBT, Cultura e Brasil.

Tem-se dedicado nos últimos anos à Antropologia Bíblica, com especial ênfase no estudo da mulher na Bíblia e no Cristianismo, ministrando diversos cursos sobre este tema. Possui livros e artigos publicados nas áreas de Religiões, História, Antropologia e Etnobotânica. Realizou pesquisas em Roma (Arquivo Secreto do Vaticano, Archivio Storico di Propaganda Fide, e Universidade Gregoriana), Alemanha, França, Espanha, Portugal, Estados Unidos e Brasil.

Website

 

Bibliografia

  • ALMEIDA, Rute Salviano (2021). Vozes Femininas no Inicio do Cristianismo – Império Romano, Igreja Cristã, perseguição e Papel Feminino. Viçosa: Ultimato.
  • ALMEIDA, Ruth Salviano (2022). Mártires cristãs – mulheres que deram a vida por amor a Jesus. Rio de Janeiro: Thomas Nelson Brasil.
  • AQUILINA, Mike; BAILEY Christopher (2018). Madres da Igreja – O Testemunho das Cristãs Primitivas. São Paulo: Edições Loyola.
  • CHAVES, Eduardo (2018). Breve História da Igreja Antiga – dos primórdios ao fim do Império Romano no Ocidente. São Paulo: Mindware Education Editora.
  • RIBEIRO, Lidice Meyer Pinto (2023). A Mulher na Literatura Apocalíptica Judaica e Cristã.
  • Mandrágora, v.29, n. 1, p. 25-54.
  • SILVA, Roberta Alexandrina; FUNARI, Pedro Paulo Abreu; CARLAN, Claudio Umpierre (2022).
  • Mulheres no Cristianismo Primitivo. São Paulo: Fonte Editorial.
  • VVAA (2017). Mulheres à Frente de Seu Tempo – histórias de santas. São Paulo: Paulus.

* Este curso enquadra-se na série “O Sagrado Feminino no Cristianismo”.

Enrollment is Closed